Categorias

Android

Games

Notícias Linux

Tutoriais Linux

Vídeos

Notícias Linux

18/05/2020 às 14:00

5 min leitura

Avatar Autor
Por Leonardo Santana

Hackers querem 42 milhões de dólares para não divulgar “podres” de Trump

Hackers norte-coreanos violam entidades de pesquisa da COVID-19

O grupo de hackers REvil está exigindo um resgate de 42 milhões de dólares do presidente Donald Trump. Caso não sejam pagos, eles vão expor os “podres” de Trump. O grupo invadiu o banco de dados do popular escritório de advocacia Grubman Shire Meiselas & Sacks, que lida com algumas das maiores estrelas de Hollywood, incluindo Madonna, Elton John e Robert DeNiro.

Os hackers ameaçaram divulgar dados confidenciais do presidente Donald Trump.

Hackers querem 42 milhões de dólares para não divulgar “podres” de Trump

Hackers querem 42 milhões de dólares para não divulgar "podres" de Trump

O grupo de ransomware se apossou de uma grande quantidade de dados estimados em cerca de 756 GB, contendo contratos confidenciais, endereços de e-mail e correspondências.

Ameaçando o presidente, a nota dos hackers dizia:

Para vocês, eleitores, podemos informar que, após essa publicação, você certamente não o verá como presidente… O prazo é de uma semana.

Eles exigiram o resgate na criptomoeda Monero, mas disseram que o Bitcoin também funcionaria se ele pagasse uma quantia maior.

Ainda não está claro como os operadores de ransomware conseguiram se apossar dos dados confidenciais de Trump, pois ele nunca foi cliente do escritório de advocacia.

A empresa afetada diz que há chances de que os hackers divulguem os dados, mesmo que o resgate seja pago. O Federal Bureau of Investigation (FBI) considera o hacking um ato de terrorismo. Além disso, negociar ou pagar um resgate é uma violação das leis criminais federais.

Fonte: Fossbytes

Leia mais:

Hacker alega ter violado repositórios privados do GitHub da Microsoft

Microsoft oferece até US$ 100.000 para hackers que invadirem o Azure Sphere Linux IoT

Cuidado! Hackers estão usando o aplicativo Zoom para instalar malware espião

Hackers têm como alvo os principais funcionários da Organização Mundial da Saúde

Detalhes de 20 milhões de usuários da loja de aplicativos Aptoide vazam em fórum hacker

Hackers apoiados pela China atacam servidores Linux por uma década

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.