in

Como instalar o CloudCompare no Ubuntu, Fedora, Debian, CentOS e openSUSE! Um software de processamento de nuvem de pontos 3D

Processe a nuvem de pontos 3D com o CloudCompare!

CloudCompare é um software muito utilizado para processamento de nuvem de pontos 3D, geralmente aqueles obtidos através do uso de scanners a laser. Além disso, o software também consegue funcionar tranquilamente com malhas triangulares e imagens calibradas. Hoje, saiba  como instalar o CloudCompare no Ubuntu, Fedora, Debian, CentOS e openSUSE! Um software de processamento de nuvem de pontos 3D, utilizando pacote flatpak.

Basicamente, o CloudCompare vai fornecer um conjunto de ferramentas para editar ou renderizar manualmente nuvens de pontos 3D e malhas triangulares. E não é só isso, há também vários algoritmos de processamentos, e são eles que vão garantir que os itens abaixo possam executados:

  • projeções (com base em eixo, cilindro ou cone desenrolando,…)
  • registro (ICP,…)
  • computação à distância (nuvem-nuvem ou nuvem-malha a distância do vizinho mais próximo,…)
  • computação estatística ( teste qui-quadrado espacial,…)
  • segmentação ( rotulagem de componentes conectados , propagação frontal baseada,…)
  • estimativa de características geométricas (densidade, curvatura, rugosidade, orientação do plano geológico,…)

CloudCompare também pode manipular campos lineares limitadores por nuvem de pontos, e é justamente neste momento em que é possível utilizar os algoritmos para suavização, avaliação de gradiente, estatísticas e muitas outras possibilidades.

Caso o usuário queira, também pode segmentar interativamente entidades 3D com uma polilinha 2D desenhada na tela. Pode girar, converter interativamente uma ou mais entidades. E essa última versão também suporta a criação de etiquetas 2D anexadas a anotações de pontos ou áreas retangulares.

Por fim, e não menos importante, o CloudCompare está disponível nas plataformas Windows , Linux e Mac OS X , para arquiteturas de 32 e 64 bits. É desenvolvido em C ++ com Qt.

Neste tutorial: Saiba como instalar o CloudCompare no Ubuntu, Fedora, Debian, CentOS e openSUSE! Um software de processamento de nuvem de pontos 3D!

Instalando o CloudCompare no Ubuntu e derivados!

Para instalar o CloudCompare no Ubuntu 19.04, Ubuntu 18.04, Ubuntu 18.10, Ubuntu 16.04 ou superior, execute o comando abaixo. Vale lembrar que neste processo de instalação, vamos utilizar um pacote Flatpak, então caso você já tenha instalado e ativado o Flatpak no Ubuntu ou Linux Mint, pode pular para o Passo 4.

Passo 1 – Instalar e ativar o suporte ao Flatpak no Ubuntu, Linux Mint e derivados:

sudo apt install flatpak

Passo 2 – Agora, vamos adicionar o repositório Flathub, que é onde vamos baixar e instalar o CloudCompare para seguir com o processo de instalação no Ubuntu, Linux Mint ou derivados:

flatpak remote-add --if-not-exists flathub https://flathub.org/repo/flathub.flatpakrepo

Passo 3- Agora, precisamos reiniciar o sistema, em seguida, volte neste tutorial e prossiga com a instalação! Para reiniciar você pode utilizar o botão padrão do seu ambiente, ou execute o comando abaixo:

sudo reboot

Passo 4 – Execute o comando de instalação do CloudCompare no Ubuntu, Linux Mint e derivados:

flatpak install flathub org.cloudcompare.CloudCompare

Passo 5 – Comando para executar a aplicação:

flatpak run org.cloudcompare.CloudCompare

Instalando o CloudCompare no Fedora e derivados!

Para instalar o CloudCompare no Fedora, execute os comandos abaixo. Lembrando que o Fedora já vem som suporte ao Flatpak habilitado, então basta executar os comandos abaixo:

Passo 1 – Execute o comando de instalação do CloudCompare no Fedora:

flatpak install flathub org.cloudcompare.CloudCompare

Passo 2 – Comando para executar a aplicação:

flatpak run org.cloudcompare.CloudCompare

Instalando o CloudCompare no Debian e derivados!

Para instalar o CloudCompare no Debian, execute os comandos abaixo. Caso você já tenha o Flatpak ativado e habilitado no seu Debian, pule para o passo 4, que seria da instalação:

Passo 1 – Instalar o suporte ao Flatpak no Debian:

apt update
apt install flatpak

Passo 2 – Vamos adicionar o repositório do Flathub:

flatpak remote-add --if-not-exists flathub https://flathub.org/repo/flathub.flatpakrepo

Passo 3 – Reinicie o sistema, você pode fazer isso manualmente utilizando o botão do seu ambiente ou o comando abaixo:

reboot

Passo 4 – E agora, vamos executar o comando para instalar o CloudCompare no Debian ou derivados. Observe que o comando abaixo está com o sudo, caso você não o tenha habilitado, remova o sudo e instalar usando o ROOT mesmo:

flatpak install flathub org.cloudcompare.CloudCompare

Passo 5 – Comando para executar a aplicação:

flatpak run org.cloudcompare.CloudCompare

Instalando o CloudCompare no CentOS e derivados!

Para instalar o CloudCompare no CentOS, execute os comandos abaixo. Vale lembrar que assim como o Fedora, o CentOS também vem com suporte ao Flatpak por padrão, então basta seguir os passos abaixo:

Passo 1 – Execute o comando de instalação do CloudCompare no CentOS:

flatpak install flathub org.cloudcompare.CloudCompare

Passo 2 – Comando para executar a aplicação:

flatpak run org.cloudcompare.CloudCompare

Instalando o CloudCompare no openSUSE e derivados!

Para instalar o CloudCompare no openSUSE, execute os comandos abaixo. Vamos utilizar um repositório. Caso você já tenha o suporte ao Flatpak instalado e habilitado no openSUSE, pule para o passo 4:

Passo 1 – Instalar o Flatpak

sudo zypper install flatpak

Passo 2 – Agora, vamos adicionar o repositório Flathub:

flatpak remote-add --if-not-exists flathub https://flathub.org/repo/flathub.flatpakrepo

Passo 3 – Vamos reiniciar, faça isso usando o botão de reiniciar do seu ambiente ou o comando abaixo:

sudo reboot

Passo 4 – Execute o comando de instalação do CloudCompare no OpenSUSE:

flatpak install flathub org.cloudcompare.CloudCompare

Passo 5 – Comando para executar o CloudCompare:

flatpak run org.cloudcompare.CloudCompare

É isso, esperamos ter ajudado você a instalar o CloudCompare no Linux!

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.