in

KDE Applications conquistam espaço no Windows 10

Vários aplicativos do KDE fazem sucesso no Windows.

KDE Applications conquistam espaço no Windows 10

Houve um tempo em que o Windows e o Linux eram considerados rivais ferozes. Usuários dos dois sistemas ainda hoje brigam em discursos para defender este ou aquele recurso de seu sistema favorito. No entanto, o Windows 10 parece ter chegado para mudar esta realidade. Isto porque agora não só é possível executar o Linux no Windows 10. Do mesmo modo, muitos aplicativos Linux também estão migrando para o mundo do Windows 10 para uma experiência entre plataformas. É o que ocorre com KDE Applications que conquistam cada vez mais espaço no Windows 10.

KDE Applications conquistam espaço no Windows 10

Os aplicativos KDE são particularmente populares no Windows 10, pois vários já estão disponíveis na Microsoft Store e, mais recentemente, outro grande nome chegou ao sistema operacional da Microsoft, prometendo a mesma experiência que no Linux.

Elisa, que é “um tocador de música moderno e bonito feito com amor pelo KDE”, como diz a descrição oficial publicada na loja, agora está disponível na Microsoft Store com uma licença gratuita. O aplicativo é obviamente de código aberto e deve ler praticamente todos os arquivos de áudio em um dispositivo Windows 10, assim como seu irmão Linux.

Kate e Okular lideram crescimento no Windows

KDE Applications conquistam espaço no Windows 10

Outros aplicativos KDE listados para download na Microsoft Store também são particularmente bem-sucedidos, e o KDE diz que o editor de texto Kate e o leitor Okular são os dois que obtiveram o maior sucesso. Os dados fornecidos pelo KDE dão uma visão mais detalhada do desempenho de seus aplicativos no Windows 10:

O KDE diz que qualquer pessoa pode ajudar a trazer mais aplicativos para o Windows 10. Além disso, a equipe indica um tutorial detalhado. Assim, os desenvolvedores podem aprender mais sobre como criar um novo aplicativo e enviá-lo para a Microsoft Store.

No final, no entanto, uma coisa é clara: o Linux e o Windows agora são dois melhores amigos de infância, e é improvável que isso mude no curto prazo.

Fonte: Softpedia

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Red Hat lança Stratis 2.0.1

Red Hat lança Stratis 2.0.1

Conheça um modelo de Inteligência Artificial que melhora e colore vídeos antigos

Conheça um modelo de Inteligência Artificial que melhora e colore vídeos antigos