in

Lançado cliente de e-mail Linux Mutt 2.0.0

Nova versão contém algumas alterações incompatíveis com versões anteriores.

O cliente de e-mail de linha de comando Mutt para Linux tem uma nova versão estável 2.0.0, trazendo novos recursos e correções de bugs. Começando com a adição de novos recursos, o Mutt agora oferece suporte literal de domínio em endereços de e-mail. Assim, você pode usar endereços IP literais no lugar do domínio do endereço de e-mail, como usuá[email protected]

Outro aprimoramento interessante é a capacidade de alterar o diretório de trabalho usando o comando cd dentro do Mutt. Além disso, se você enfrentar um problema de conexão com a internet, a versão 2.0.0 tem a solução para você. Para preservar suas alterações não salvas no caso de uma desconexão aleatória, ele agora tentará se reconectar automaticamente a uma caixa de e-mail IMAP e mesclar as alterações não sincronizadas.

Lançado cliente de e-mail Linux Mutt 2.0.0

Para alertá-lo, a nova versão também contém algumas alterações incompatíveis com versões anteriores. Por exemplo, <decode-copy> e <decode-save> não executam mais a remoção de cabeçalhos por padrão; $reply_to processa antes de $reply_self; e $hostname é agora definido após o processamento dos argumentos de linha de comando muttrc e -e.

Lançado cliente de e-mail Linux Mutt 2.0.0
O cliente de e-mail de linha de comando Mutt tem uma nova versão estável 2.0.0, trazendo novos recursos e correções de bugs.

Outras mudanças importantes no Mutt 2.0.0 incluem:

  • Suporte XOAUTH2;
  • Os padrões podem ser completados por tab no menu “editor”;
  • Sobreposição do cursor para ter um indicador “sublinhado”;
  • $attach_save_dir especifica um diretório a ser usado ao salvar anexos;
  • Os cabeçalhos Date, From, To, Cc e Reply-To são armazenados como cabeçalhos protegidos;
  • O conjunto de funções salvar/copiar mensagem para a mailbox usa a lista de histórico da mailbox, em vez da lista de “nome de arquivo”.

Para obter detalhes completos sobre recursos mais interessantes, verifique as notas de lançamento. Por fim, se você quiser atualizar ou experimentar o Mutt 2.0.0, obtenha-o na página de download oficial para seu sistema operacional BSD ou Linux.

Fossbytes

Como usar o e-mail do Outlook no Linux

Os 6 melhores clientes de e-mail para o GNU/Linux

Como acessar o Linux remotamente no Windows com o PuTTY