in

Lançamento do digiKam 7.1 traz novos suportes e melhorias

Veja as principais novidades do programa de gerenciamento de fotos gratuito.

Lançamento do digiKam 7.1 traz novos suportes e melhorias

O aplicativo de gerenciamento avançado de fotos digitais digiKam anuncia o lançamento da versão 7.1 que traz novos suportes e melhorias. O programa gratuito e de código aberto roda em Linux, Windows e macOS X. Esta é considerada a maior atualização da série 7 do programa que estreou há dois meses.

O mais interessante desta versão é a melhoria no suporte para os metadados nos arquivos RAW da câmera Canon CR3. Assim, em relação à versão anterior, o digiKam 7.1 exibe mais informações exif, incluindo perfil de cores, dados de GPS e os recipientes padrão IPTC e XMP. Portanto, o aplicativo oferece um conjunto completo de ferramentas para importar, gerenciar, editar e compartilhar fotos e arquivos raw.

Você pode usar os recursos de importação do digiKam para transferir facilmente fotos, arquivos raw e vídeos diretamente de sua câmera e dispositivos de armazenamento externos (cartões SD, drives USB, etc.). O aplicativo permite que você defina configurações e regras de importação para processar e organizar itens importados no local.

Lançamento do digiKam 7.1 traz novos suportes e melhorias

Lançamento do digiKam 7.1 traz novos suportes e melhorias

O digiKam divulga nas notas de lançamento que eles se esforçam muito para fornecer aos usuários metadados mais completos para arquivos CR3. No entanto, eles disseram que as alterações de metadados CR3 têm suporte apenas por meio de arquivo secundário XMP e não há suporte de gravação.

O digiKam 7.1 também tem um novo plugin do Batch Queue Manager para consertar Hot Pixels automaticamente. Ele corrige pixels em imagens noturnas, ou imagens tiradas com velocidades de obturador lentas. Faz isso usando um método de subtração de quadro preto. Do mesmo modo, serve para gerenciar uma coleção de quadros escuros de diferentes modelos de câmera. Assim,  aplica textura sobre as imagens.

Além disso, a compatibilidade do IPTC foi aprimorada a compatibilidade do IPTC com a codificação de caracteres UTF-8. Agora pode usar caracteres estendidos em qualquer lugar no contêiner de texto IPTC legacy.

Vários bugs resolvidos tornam o digiKam mais estável e confiável. Você pode baixar o digiKam 7.1 como um AppImage para sistemas de 64 ou 32 bits agora mesmo no site oficial. A próxima versão será o digiKam 7.2, que deve chegar ainda este ano.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.