in

Mais 13 telefones são suportados pela LineageOS Pie, mas dispositivos Xiaomi são suspensos

Novos modelos são supotados pela LineageOS, mas celulares Xiaomi são suspensos.

Mais 13 telefones são suportados pela LineageOS Pie, mas dispositivos Xiaomi são suspensos
Imagem reprodução AndroidsAge

O LineageOS é uma das melhores ROMs personalizadas, com suporte oficial a dezenas de telefones e alguns recursos exclusivos. A última vez que cobrimos o projeto, começou a oferecer versões para o Redmi Note 7 Pro, o Huawei Honor 5X e alguns outros. Desde então, mais 13 telefones são suportados pela LineageOS Pie, mas dispositivos Xiaomi são suspensos temporariamente.

Os 13 telefones recém-suportados pela LineageOS Pie:

  • Samsung Galaxy A5 (2017) (a5y17lte)
  • Samsung Galaxy A7 (2017) (a7y17lte)
  • Samsung Galaxy S4 Active (jactivelte)
  • Samsung Galaxy S4 (SGH-I337) (jflteatt)
  • Samsung Galaxy S4 (SCH-R970, SPH-L720) (jfltespr)
  • Samsung Galaxy S4 (Verizon) (jfltevzw)
  • Samsung Galaxy S4 (GT-I9505/G, SGH-M919, SGH-I337M) (jfltexx)
  • Samsung Galaxy Note 3 LTE (N9005/P) (hlte)
  • Samsung Galaxy Note 3 LTE (N9008V) (hltechn)
  • Samsung Galaxy Note 3 LTE (N900K/L/S) (hltekor)
  • Samsung Galaxy Note 3 LTE (N900T/V/W8) (hltetmo)
  • HTC One (M8) (m8)
  • HTC One (M8) Dual SIM (m8d)

Todos estes foram suportados anteriormente por versões anteriores do LineageOS, por isso é bom vê-los fazer um retorno. O Galaxy A5, o Galaxy A7, o HTC One M8 e algumas variantes do Galaxy S4 foram descartados anteriormente quando o Lineage terminou o Nougat (14.1).

Mais 13 telefones são suportados pela LineageOS Pie, mas dispositivos Xiaomi são suspensos

No entanto, nem tudo é uma boa notícia. O LineageOS interrompeu temporariamente todas as compilações para dispositivos Xiaomi, devido a uma reivindicação DMCA apresentada contra os blobs proprietários (componentes de código fechado necessários para todas as funções do telefone funcionarem) criados pelo SenseTime.

Consequentemente, o pessoal da LineageOS esclareceram no Twitter que

As versões do Xiaomi estão sendo removidas temporariamente devido a um problema no GitHub, elas serão restauradas assim que lidarmos com isso.

Lista completa de todos os dispositivos afetados:

Em conclusão, a alegação dizia que o conteúdo violador era o SDK do SenseTime para desbloqueio facial. Então, talvez os builds Xiaomi possam ser retomados depois que o componente for removido.

Via: AndroidPolice

Escrito por Fabiano Rodrigues

Usuário de Linux desde o Kurumin; servidor público, tecnólogo em análise e desenvolvimento de sistemas, amante de software livre e de código aberto; apaixonado por jogos, louco por rock e heavy metal, filmes e seriados.

Mir 1.4 é lançado com correção para GTK3

Mir 1.4 é lançado com correção para GTK3

Blender 2.8 recebe sua maior atualização

Blender 2.8 recebe sua maior atualização