Microsoft Edge melhora desempenho compactando o cache de disco

Mudança pode ser sentida no Microsoft Edge 102 do Windows.

Claylson Martins
3 minutos de leitura

A Microsoft diz que os usuários do Microsoft Edge notarão um desempenho aprimorado e uma pegada de disco menor porque o navegador da Web agora compacta automaticamente os caches de disco. Então, o navegador Microsoft Edge melhora desempenho compactando o cache de disco.

“Começando com o Microsoft Edge 102 no Windows, o Microsoft Edge compacta automaticamente os caches de disco em dispositivos que atendem às verificações de elegibilidade, para garantir que a compactação seja benéfica sem prejudicar o desempenho”, disse o Microsoft Edge Team na quarta-feira.

“Isso garante que a compactação desses caches melhore amplamente o desempenho e a experiência geral do usuário.”

Como a empresa explicou, quanto maior o cache de disco usado por um navegador da Web, mais provável é que os recursos da Web em cache possam ser acessados mais rapidamente. Assim, deve tornar mais rápido o carregamento de páginas da Web.

No entanto, aumentar o cache de disco geralmente leva a que os sistemas com pouco espaço em disco fiquem sem espaço. Isso é algo que os fornecedores de navegadores também precisam considerar.

“Uma maneira de maximizar o uso do cache enquanto minimizamos o uso do disco é aproveitando a compactação para economizar espaço em disco para o conteúdo em cache”,  acrescentou a Microsoft.

“Como o conteúdo desses caches geralmente é altamente compactável, a compactação resulta no aumento da probabilidade de que o recurso solicitado possa ser obtido do disco.”

Mais melhorias de desempenho e segurança

Microsoft Edge melhora desempenho compactando o cache de disco
Microsoft Edge melhora desempenho compactando o cache de disco.

A Microsoft melhorou ainda mais a capacidade de resposta geral e o desempenho de seu navegador baseado no Chromium no início deste ano. Isso depois de ajustar o recurso de guias adormecidas.

O recurso reduziu significativamente os requisitos de memória e CPU do Edge, aumentando o desempenho do navegador e a vida útil da bateria.

Com base em testes de desempenho em cerca de 13.000 dispositivos, a Microsoft disse que as guias adormecidas reduzem o uso de memória em 32% em média. Além disso, na maioria dos casos, podem levar a um uso de CPU aproximadamente 37% menor.

Microsoft Edge melhora desempenho compactando o cache de disco

As guias de suspensão começaram a sair na versão Edge Beta 88 em dezembro de 2020. Objetivo era reduzir drasticamente o uso de recursos de memória e CPU. Isso apenas quatro meses após seu lançamento inicial em setembro de 2020, como um recurso experimental.

Redmond também está melhorando a segurança do navegador. Está adicionando um novo recurso para mitigar a exploração futura de vulnerabilidades desconhecidas de dia zero e o Super Duper Secure Mode. Este é um novo recurso que traz atualizações de segurança sem perdas significativas de desempenho.

Share This Article
Follow:
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.