in

O Google remove a extensão ClearURLs do Chrome

O foco da extensão era totalmente voltado para a privacidade

Chrome 90 lançado com codificação AV1 e novas APIs
Imagem: Bleeping Computer

O Google removeu misteriosamente a popular extensão de navegador ClearURLs da Chrome Web Store. O ClearURLs é um complemento do navegador que preserva a privacidade e remove automaticamente os elementos de rastreamento dos URLs. De acordo com seu desenvolvedor, isso pode ajudar a proteger sua privacidade ao navegar na internet.

- Anúncios -

Extensão removida da Chrome Web Store

ClearURLs é um complemento de navegador da web disponível para Google Chrome e Mozilla Firefox com a tarefa de remover bits de rastreamento dos URLs. Muitos sites têm URLs excessivamente longos com parâmetros extras que não têm valor funcional, mas são usados simplesmente para fins de rastreamento. Isso pode se aplicar especialmente a links presentes em boletins informativos. Curiosamente, os URLs dos resultados de pesquisa do Google não são diferentes.

Ao clicar em um resultado de pesquisa de imagens, por exemplo, o Google não o envia imediatamente para o URL original de sua página da web, mas sim para um URL intermediário que o redireciona.

ClearURLs é projetado para filtrar tais parâmetros de rastreamento de URLs e aumentar a privacidade online do usuário. Se todos os links fossem despojados de tais dados de rastreamento estranhos, eles acabariam parecendo ter um comprimento mínimo, compreendendo apenas os bits essenciais.

No entanto, o Google retirou o ClearURLs da Chrome Web Store com sua página lançando uma mensagem de erro 404 (não encontrado). Como você pode visualizar na imagem do Bleeping Computer, abaixo.

o-google-remove-a-extensao-clearurls-do-chrome
Imagem: Bleeping Computer

Em uma cópia do e-mail recebido e compartilhado pelo desenvolvedor, o Google afirma que a descrição da extensão é “muito detalhada” e viola as regras da Chrome Web Store. O Google também afirmou que a descrição da extensão não mencionava conter certos recursos, como o recurso de importação/exportação de configurações, funcionalidade de registro e um botão de doação que era enganoso. Além disso, ainda no email, o Google afirmou no e-mail que a extensão requer desnecessariamente a permissão clipboardWrite.

Google reestabelece a extensão na Chrome Web Store

Alguns usuários criticaram a decisão do Google de remover a extensão, citando preocupações “antitruste”, outros apontaram que a extensão ClearURL continha anteriormente uma falha de execução de código arbitrário.

Enquanto a extensão permaneceu fora da Chrome Web Store, os usuários do Chrome puderam baixar e instalar manualmente a extensão ClearURLs da página de lançamentos do projeto no GitHub. Assim como os usuários do Microsoft Edge também puderam baixar a extensão da loja de complementos do Edge.

No entanto, agora o Google já reestabeleceu a extensão na Chrome Web Store.

Com informações de: Bleeping Computer

Written by Jardeson Márcio

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias.
Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

o-google-assistente-agora-pode-encontrar-seu-iphone-e-mais

O Google está testando o Memory

spotify-reprojeta-mac-e-aplicativos-da-web

Spotify reprojeta Mac e aplicativos da web