in

Processadores da 10ª geração da Intel chegam a 5 GHz para rivalizar com a série Ryzen 4000 da AMD

Todos eles suportam memória DDR4 dual-channel até 2933 MHz.

Intel descontinuará sua linha de processadores de 8ª geração
O fim de uma era está se aproximando para os processadores Intel Coffee Lake de 8ª geração este ano. Imagem: Fossbytes.

A Intel anunciou seus processadores móveis Comet Lake H-Series de 10ª geração para fornecer laptops de alto desempenho para jogadores e criadores. Assim como a Intel alegou, os processadores cruzaram a velocidade de 5 GHz em um único núcleo. Isso significa que a Intel está pronta para dominar a série Ryzen 4000 da AMD.

Processadores da 10ª geração da Intel chegam a 5 GHz

O impressionante é que você não precisa de CPUs Core i9 de nível superior para obter uma frequência Turbo acima de 5 GHz. Os processadores i7 de seis e oito núcleos podem atingir uma velocidade de boost de 5,1 GHz.

No entanto, se você quiser aproveitar o potencial máximo das CPUs de notebooks Comet H-Series, o Core i9-10980HK poderá chegar a 5,3 GHz.

Processadores da 10ª geração da Intel chegam a 5 GHz para rivalizar com a série Ryzen 4000 da AMD
Imagem: Reprodução | Fossbytes.

Quando o Core i9-10980HK foi testado em relação ao Core i7 7820HK, ele superou o CPU mais antigo em 23% a 54%. A comparação foi feita em títulos populares como Red Dead Redemption 2, Assassin’s Creed: Odyssey e Far Cry 5.

Processadores da 10ª geração da Intel chegam a 5 GHz para rivalizar com a série Ryzen 4000 da AMD
Imagem: Reprodução | Fossbytes.

Se você comparar as novas CPUs móveis Comet Lake da Intel com as CPUs Ryzen 4000 Series da AMD, a Intel estará muito à frente em termos de velocidade do clock. Isso ocorre porque os mais recentes processadores da série 4000 da AMD oferecem uma velocidade de clock máxima de 4,4 GHz.

No entanto, os processadores da AMD são mais eficientes em termos de energia com a arquitetura de 7 nm. Por outro lado, a Intel ainda está usando o chip de 14 nm porque, segundo eles, uma arquitetura de 14 nm os ajuda a oferecer um alto desempenho de thread único.

Fora isso, o lado bom dos novos chips da Intel é que todos eles suportam memória DDR4 dual-channel até 2933 MHz.

Além disso, um recurso chamado Thermal Velocity Boost, que estará apenas nos chips i7 e i9, detectará se a temperatura da CPU está abaixo de 65 graus e aumentará a velocidade do clock em 200 MHz.

Fonte: Fossbytes

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.