Categorias

Android

Games

Notícias Linux

Tutoriais Linux

Vídeos

Notícias Linux

25/01/2021 às 10:00

7 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

Samsung Galaxy S21 não suporta atualizações em segundo plano

a-samsung-parece-empenhada-em-mostrar-a-superioridade-da-camera-do-s21-ultra-em-relacao-ao-iphone-12-pro-max

Uma mudança no Android 11, no ano passado, indicava que os telefones lançados com o Android 11 e posterior suportariam atualizações em segundo plano. Entretanto, o Samsung Galaxy S21 não suporta atualizações em segundo plano.

Este recurso permite que um telefone instale uma atualização do sistema enquanto está em execução e simplesmente reinicie no novo ambiente sem qualquer demora para o usuário. No entanto, de acordo com o Documento de Definição de Compatibilidade (CDD) mais recente do Android 11, o Google aparentemente voltou atrás nessa exigência. Ou seja, o Samsung Galaxy S21 não oferece suporte a atualizações em segundo plano.

O Android oferece suporte a um processo chamado “atualizações contínuas” (atualizações em segundo plano) desde 2016. Não é um recurso premium, e muitos telefones Android de fabricantes como Google, Motorola, OnePlus e até mesmo LG oferecem suporte a ele. Mas agora, meia década depois que o recurso foi revelado, a Samsung ainda não oferece suporte a atualizações contínuas em seus telefones.

samsung-galaxy-s21-nao-suporta-atualizacoes-em-segundo-plano
Imagem: Reprodução Android Police

Galaxy S21 da Samsung e o suporte a atualizações em segundo plano

A Samsung se tornou um dos fabricantes de telefones mais oportunos no que diz respeito a atualizações, oferecendo atualizações de segurança mensais. Parece meio estranho que o usuário fique sem usar o seu celular, enquanto ele atualiza.

Assim, se torna frustrante para os usuários, especialmente os que pagam mais caro por produtos premium da empresa, precisarem esperar que os seus telefones atualizem, para que possam utilizá-los. É, no mínimo, estranho.

Exigência do Google para o Android 11

Inicialmente, pensamos que o Google havia se firmado sobre a prática no ano passado. No entanto, de acordo com a versão mais recente de janeiro de 2021 do CDD do Android 11, atualizações contínuas não são um requisito, e o Google está apenas dizendo aos fabricantes que eles “deveriam” oferecer suporte. Parece que o Google rejeitou essa exigência, talvez sob pressão de fabricantes de smartphones como a Samsung.

O pessoal do Android Police confirmou que que atualizações contínuas não estão presentes em sua unidade de análise do Galaxy S21 Ultra, e Max Weinbach da AP confirmou a omissão em uma rápida desmontagem.

Qualquer que seja o raciocínio ou lógica por trás da decisão, o novo Galaxy S21 Ultra de US $ 1.200 (mais de R$ 6.500,00, na cotação de hoje) da Samsung não possui um recurso básico e de economia de tempo que muitos telefones mais baratos têm.

Com informações de: Android Police

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.