in

Servidor X.Org continua sem muitas novidades

Servidor X.Org continua sem muitas novidades

Embora já faça dez anos que o Wayland esteja em desenvolvimento, a maioria dos desktops do Linux no final de 2018 ainda depende do X.Org Server. Em 2018 vimos muito melhor suporte ao Wayland no GNOME Shell e no KDE Plasma. Porém, muitas distribuições do Linux – incluindo o Ubuntu – não fizeram a transição (ou, no caso do Ubuntu, o back-over) para a execução de uma sessão do Wayland. Enquanto o xorg-server permanece no coração da maioria dos desktops Linux, seu ritmo de desenvolvimento permanece muito lento. Apesar disso, o Servidor X.Org continua sem muitas novidades.

Sem muitas inovações

Servidor X.Org continua sem muitas novidades

O X.Org Server não viu nenhuma característica importante inovadora neste ano além de encerrar o trabalho do VR HMD para melhorar o suporte do SteamVR HMD e lançar o X.Org Server 1.20. Este estreou após um ano e meio em desenvolvimento. Portanto, bem diferente do prazo anterior de apenas seis meses. 

Parece que o xorg-server 1.21 será outro ciclo de desenvolvimento longo com pouca atividade upstream. Além disso, devem ser feitas apenas correções de segurança e os pesquisadores continuam a avaliar o antigo código base X11. É antigo, mas “funciona” para a maioria dos usuários de desktop Linux. Além disso, não apresenta problemas de driver NVIDIA. Este é um dos principais gargalos atualmente na adoção de Wayland.

Foram registrados 510 commits este ano, um pouco acima dos 465 do ano passado, mas bem abaixo dos ~ 2000 commits por ano vistos há cerca de uma década. Naquela época, DRI3, X Input 2, Multi-Pointer X, GLAMOUR e muitas outras novas funcionalidades foram introduzidas.

O X.Org Server cresceu apenas cerca de dez mil linhas de código este ano. A base de código do X Server é de cerca de 711k de linhas. Isso sem contar as bibliotecas externas e outros códigos alojados em repositórios externos.

Fonte

Escrito por Claylson

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Linguagem Python consolida liderança

Python é a verdadeira linguagem de programação da ciência de dados

Confira as novidades do AntiX, OpenMandriva, LibreELEC e Elive

Confira as novidades do AntiX, OpenMandriva, LibreELEC e Elive