in

Tails OS 4.4 lançado com o Tor Browser 9.0.6

O Tails 4.4 vem um mês após a versão anterior.

Tails 4.5 Anonymous OS lançado com suporte de inicialização segura

A comunidade Tails anunciou hoje o lançamento e a disponibilidade geral do Tails 4.4, uma atualização mensal para o sistema live anônimo de amnésia baseado no Debian GNU/Linux. A principal novidade do Tails 4.4 é que agora ele foi lançado com o Tor Browser 9.0.6

O Tails 4.4 vem um mês após o Tails 4.3, que adicionou suporte às criptomoedas Trezor. Assim, em chega para atualizar alguns dos principais componentes e aplicativos padrão, além de solucionar algumas importantes vulnerabilidades de segurança e outros problemas relatados pelos usuários desde o lançamento anterior.

Tails OS 4.4 lançado com o Tor Browser 9.0.6

Incluído no Tails 4.4 estão o mais novo navegador anônimo da Web Tor Browser 9.0.6, baseado no Mozilla Firefox 68.6.0 ESR, no cliente de e-mail e notícias Mozilla Thunderbird 68.5.0, bem como no kernel Linux 5.4.19 LTS com melhor suporte para hardware mais recente.

Tails OS 4.4 lançado com o Tor Browser 9.0.6

Esta versão também tenta melhorar o suporte para interfaces Wi-Fi em sistemas que usam os chipsets Realtek RTL8822BE e RTL8822CE. Usuários que tiveram problemas de Wi-Fi desde o Tails 4.1, devem informar a equipe de desenvolvimento da distribuição. Isso pode ser feito acessando diretamente o erro aqui.

Várias falhas de segurança foram corrigidas em vários componentes principais, incluindo cURL, Evince, Pillow, PPP e WebKitGTK. Além disso, as novas versões do kernel do Tor Browser, Mozilla Thunderbird e Linux também contêm os últimos patches de segurança dos repositórios Debian GNU/Linux 10 “Buster”.

Como baixar ou atualizar o novo Tails

Você pode baixar o Tails 4.4 usando o link abaixo. Porém, isso deve ser feito apenas se planeja reinstalar a versão atual do Tails ou se estiver implantando o sistema operacional em novos computadores.

Os usuários existentes do Tails serão atualizados automaticamente da versão 4.2, 4.2.2 e 4.3. Do mesmo modo, você também pode atualizar manualmente executando o comando abaixo em um emulador de terminal.

sudo apt update && sudo apt full-upgrade
Via 9to5 Linux