Ubuntu 19.04 já tem data de lançamento e recursos planejados

O novo Ubuntu 19.04 já tem data de lançamento e recursos planejados. De acordo com o site OMG!Ubuntu, a nova versão do sistema operacional sairá dia 18 de abril de 2019. Esta data aparece no cronograma de lançamentos do Ubuntu 19.04 (chamado de ‘Disco Dingo’), que foi recentemente adicionado ao Ubuntu Wiki oficialmente.

Da mesma forma, as datas para os outros marcos que normalmente ocorrem durante um ciclo de desenvolvimento do Ubuntu também estão escritas.

Então, estão incluídos os seguintes pontos de congelamento:
  • Congelamento de recursos:  21 de fevereiro de 2019
  • Congelamento da interface do usuário: 14 de março de 2019
  • Congelamento do kernel: 1º de abril de 2019

Mais uma vez, não haverá lançamento alfa  durante o ciclo “Disco Dingo”. Porém, uma versão beta oficial do Ubuntu 19.04 estará disponível para download e teste em março:

  • Data de lançamento do Ubuntu 19.04 beta: 28 de março de 2019
  • Data de lançamento do Ubuntu 19.04: 18 de abril de 2019

Neste momento inicial, vale a pena notar que todas essas datas estão sujeitas a alterações. Então, tudo isso ainda pode ser alterado.

Recursos do Ubuntu 19.04: o que esperar

o ubuntu 19.04 é chamado disco dingo

O Ubuntu 19.04 é chamado Disco Dingo

Quer saber o que esperar no Ubuntu 19.04? É bem provável que o ‘Disco Dingo’ venha com olançamento do GNOME 3.32 e, se estiver pronto a tempo, o Linux Kernel 5.0.

Os recursos inicialmente planejados para o lançamento do Ubuntu 18.10,  mas que acabaram adiados, também devem ser trabalhados durante o ciclo de desenvolvimento do Disco Dingo .

Isso significa que os recursos do Ubuntu 19.04 podem incluir:

centro de software

  • Suporte para a integração do Android usando o GSConnect;
  • Implementação nativa de JavaScript do protocolo KDE Connect;
  • Os impressionantes  modelos gráficos do Ubuntu Software sobre, incluindo sua nova “visão de revista”;
  • Outros planos propostos poderiam ser o navegador da Web Chromium de código aberto e o popular cliente de jogos Steam disponibilizados como aplicativos Snap na loja Snap;
  • o app GNOME Clocks como um aplicativo padrão (útil para rastreamento de ‘hora mundial’);
  • e adicionando a opção de silenciar o som clicando no applet de volume na barra superior.

Outros patches de desempenho para acelerar toda a área de trabalho provavelmente serão um recurso do Ubuntu 19.04, assim como o trabalho contínuo para tornar o GNOME Shell mais útil com dispositivos touchscreen.

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

GNU Linux-free Kernel 4.19 é lançado

Previous article

WireGuard não estará no novo kernel Linux

Next article

You may also like

More in Notícias