in

VMware e NVIDIA fornecem nova arquitetura em nuvem híbrida e IA a todas as empresas

Mais de 300 mil clientes VMware podem se beneficiar do gerenciamento unificado do software de inteligência artificial da NVIDIA Enterprise com todas as aplicações, recursos de segurança e aceleração do NVIDIA BlueField-2 DPU.

VMware fecha parceria com a NVIDIA para democratizar o acesso à inteligência artificial

A VMware e a NVIDIA anunciam durante o VMworld 2020 uma ampla parceria para fornecer uma plataforma empresarial de ponta a ponta para inteligência artificial e uma nova arquitetura para data center, nuvem e borda que usa NVIDIA® DPUs (unidades de processamento de dados) para suportar aplicações existentes e da próxima geração.

Por meio dessa colaboração, o rico conjunto de software de IA disponível no hub NVIDIA NGC™ será integrado ao VMware vSphere, VMware Cloud Foundation e VMware Tanzu. Isso ajudará a acelerar a adoção de inteligência artificial, permitindo que as empresas estendam a infraestrutura existente para IA, gerenciem todas as aplicações com um único conjunto de operações e implantem infraestrutura pronta para IA onde os dados residem no data center, na nuvem e na borda.

Além disso, como parte do Projeto Monterey anunciado separadamente, as empresas farão parceria para fornecer uma arquitetura para a nuvem híbrida baseada na tecnologia SmartNIC, incluindo o DPU BlueField-2 programável da NVIDIA Enterprise. A combinação de VMware Cloud Foundation e NVIDIA BlueField®-2 oferecerá infraestrutura de última geração desenvolvida para as demandas de IA, machine learning, alto rendimento e aplicações centradas em dados.

Ele também fornecerá aceleração de aplicações expandida além da IA para todas as cargas de trabalho corporativas e fornecerá uma camada extra de segurança por meio de uma nova arquitetura que descarrega serviços críticos de data center da CPU para SmartNICs e DPUs programáveis.

VMware e NVIDIA fornecem nova arquitetura em nuvem híbrida e IA a todas as empresas

VMware e NVIDIA fornecem nova arquitetura em nuvem híbrida e IA a todas as empresas
Jensen Huang, NVIDIA CEO.

Estamos fazendo parceria com a NVIDIA para levar IA a todas as empresas; uma verdadeira democratização de uma das tecnologias mais poderosas, diz Pat Gelsinger, CEO da VMware. Também estamos colaborando para definir uma nova arquitetura para a nuvem híbrida – um propósito desenvolvido para dar suporte às necessidades e demandas da próxima geração de aplicações. Juntos, estamos posicionados para ajudar todas as empresas a acelerar o uso de aplicações inovadoras para impulsionar seus negócios.

A inteligêcia artificial e o machine learning evoluíram rapidamente, sendo usados não só em laboratórios de pesquisa, mas também em data centers de empresas de praticamente todos os setores e regiões, declara Jensen Huang, fundador e CEO da NVIDIA.

A NVIDIA e a VMware ajudarão os clientes a transformar todos os data centers empresariais em um supercomputador acelerado de IA. As DPUs NVIDIA oferecerão às empresas a capacidade de criar data centers seguros, programáveis e definidos por software, capazes de acelerar todos os softwares empresariais por um valor excelente.

UCSF avança na área da Saúde com a NVIDIA e a VMware

VMware e NVIDIA fornecem nova arquitetura em nuvem híbrida e IA a todas as empresas
Pat Gelsinger, VMware CEO

Entre as organizações que integram os ecossistemas VMware e NVIDIA, está o Centro de Imagens Inteligentes da Universidade da Califórnia em São Francisco (UCSF), nos Estados Unidos. Líder no desenvolvimento de ferramentas de IA e análise para imagens médicas, o centro usa a estrutura de aplicação da área da saúde NVIDIA Clara™ para imagens com tecnologia fornecida por IA e oferece à comunidade, aos parceiros acadêmicos e empresariais externos da UCSF, um recurso fundamental para descobrir, inovar e adotar a IA a fim de melhorar a assistência ao paciente.

“A IA pode ser usada para detectar doenças em grandes estudos de imagem de pacientes mais rapidamente do que o olho humano e, com mais pesquisas, esta tecnologia permitirá aos médicos fornecer os diagnósticos e tratamentos mais rápidos, precisos e seguros para os pacientes”, diz Christopher Hess, diretor de Radiologia e Imagem Biomédica da UCSF. “Reunir nossas estruturas de aplicações NVIDIA Clara IA e VMware Cloud Foundation nos ajudará a expandir nosso trabalho em IA usando uma infraestrutura de data center comum para atividades como treinamento e pesquisa, e para ajudar no suporte a diagnósticos urgentes.”

Plataforma Enterprise pronta para IA

O primeiro aspecto da colaboração NVIDIA e VMware – a integração de NVIDIA NGC com VMware vSphere e VMware Cloud Foundation – simplificará a implantação e gerenciamento de IA para as cargas de trabalho mais exigentes. Indústrias que vão de saúde a serviços financeiros, varejo e manufatura serão capazes de desenvolver e implantar facilmente cargas de trabalho de IA usando contêineres e máquinas virtuais, na mesma plataforma que suas aplicações corporativas, em escala na nuvem híbrida.

Os clientes da VMware poderão acelerar as cargas de trabalho de ciência de dados e IA com base na infraestrutura, recursos e conjuntos de ferramentas existentes – ajudando a ampliar a adoção de tecnologias de inteligência artificial e machine learning. Cientistas de dados, desenvolvedores e pesquisadores terão acesso imediato à ampla gama de contêineres, modelos e kits de desenvolvimento de software específicos da indústria do NGC nativos para nuvem e otimizados por GPU. O software NGC é compatível com um conjunto selecionado de servidores NVIDIA A100 pré-testados, esperados dos principais fabricantes de sistemas, incluindo Dell Technologies, HPE e Lenovo.

Oferecendo nova arquitetura de nuvem híbrida para aplicações de última geração

O segundo elemento da colaboração da VMware e da NVIDIA Enterprise reconhece que, à medida que as cargas de trabalho da próxima geração aumentam em complexidade, os SmartNICs e DPUs são tecnologias críticas para acelerar com segurança uma ampla variedade de aplicações corporativas que armazenam dados.

A VMware e a NVIDIA estão entregando uma nova arquitetura para a nuvem híbrida que ajudará as organizações a evoluir sua infraestrutura e operações, e apresentar um novo modelo de segurança que transfere hipervisor, rede, segurança e tarefas de armazenamento da CPU para o DPU. Essa nova arquitetura também estenderá o modelo operacional VMware Cloud Foundation para servidores físicos.

A arquitetura é a base do Project Monterey da VMware, anunciado hoje na VMworld. Usando a DPU NVIDIA Bluefield-2 com o VMware Cloud Foundation, ela oferece aos clientes a possibilidade de acelerar vários softwares de última geração e de uso geral, disponibilizar inteligência programável e adotar um modelo de segurança de zero trust distribuído nos data centers, na borda (edge) e nas nuvens de telecomunicações.

Acesso antecipado para empresas visionárias

A colaboração extensiva de engenharia de software nas plataformas de computação acelerada e IA entre NVIDIA e VMware já está em andamento. As empresas que buscam operacionalizar a IA e acelerar as aplicações com segurança em suas nuvens híbridas podem se inscrever para um programa de acesso antecipado. Fique ligado nas sessões da VMware no GTC 2020 na próxima semana para saber mais.