in

Wayland 1.16 lançado com algumas atualizações

O Wayland, que pretende ser um substituto mais simples para o X, mais fácil de desenvolver e manter, acaba de ser atualizado. GNOME e o KDE devem ser portados para ele.

Wayland 1.17 lançado. Greenfield Wayland Compositor pode executar aplicativos diretamente no navegador

O projeto Wayland acaba de lançar uma atualização e chega à versão 1.16. Para quem não conhece o projeto, o Wayland é um protocolo gráfico de servidor/biblioteca que tem como objetivo substituir o antigo e o complexo X para funcionar melhor em ambientes de desktop modernos. Assim, ele funciona nas distribuições GNU/Linux. Conheça o Wayland 1.16 lançado com algumas atualizações.

Agora,  Jonas Å dahl, um dos desenvolvedores do projeto, anunciou que a nova versão Wayland 1.16 já está lançada. Apesar de não ser uma grande atualização, inclui algumas pequenas melhorias em comparação com a versão anterior. Isso significa mais um passo no desenvolvimento desta coleção de protocolos (estáveis ??e instáveis) que visam a se tornar o sistema de fato para os sistemas GNU/Linux modernos e banir o X de uma vez por todas.

As poucas mudanças

Wayland 1.16 lançado com algumas atualizações

Primeiramente, no Wayland 1.16, vamos encontrar uma versão atualizada do protocolo de texto instável, melhorias no protocolo XDG-Shell estável, mudanças no XDG-Output e algumas outras mudanças. Essas alterações devem melhorar a experiência dos usuários que utilizam os ambientes gráficos que suportam o KDE PlasmaGNOME etc.

Além disso, caso você não sabia, o Wayland pode ser compatível com aplicativos escritos especificamente para trabalhar em X. Para isso foi criado xwayland . Ou seja, é um pouco semelhante ao modo como os aplicativos criados para ambientes baseados no X-Window System são executados em um sistema gráfico nativo do MacOS.

Para mais informações, você pode consultar o site Freedesktop , onde você encontrará tudo o que precisa saber sobre o projeto.

Written by Claylson

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Firefox terá gerenciador de tarefas próprio

Firefox vai reformular logo

Conheça 3 aplicativos para se conectar remotamente