in

Confira quais são os melhores comerciais sobre o sistema Linux

comerciais sobre o sistema Linux

Algumas empresas realizam versões comerciais sobre o sistema Linux para empresas. Assim, nesse mundo do Linux empresarial por ótimas propagandas surgiram no início dos anos 2000. Com base nesse tema, a seguir estão três dos melhores comerciais deste curioso mercado. Além disso, o Linux Kernel é o responsável pelo funcionamento do nosso querido sistema GNU/Linux, o qual tem como maior diferencial o fato de ser gratuito e ter uma imensa variedade de licenças em seu código. Isso permite que os desenvolvedores possam trabalhar com ele e alterá-lo conforme considerarem necessário.

Melhores comerciais sobre o sistema Linux

Podemos listar três propagandas que evidenciam o papel do uso de sistemas Linux.

Red Hat Enterprise Linux

Para promover o Red Hat Enterprise Linux (RHEL), a RedHat, uma empresa de soluções de software para o sistema operacional Linux, lançou um comercial rebatendo declarações de empresas concorrentes, como a Microsoft, e reiterando o papel da Linux na indústria dos sistemas operacionais.

No início da propaganda, é mostrado como a humanidade se deixou enganar várias vezes ao longo da história, como quando acreditava-se que a Terra era plana ou que a Terra era o centro do universo. Posteriormente, o comercial destaca outras afirmações equivocadas feitas por pessoas proeminentes, empresas e veículos de comunicação durante o final do século XIX e o início do século XX, como a afirmação de que o homem nunca chegaria ao espaço e a certeza de que não havia mais nada a ser inventado.

Em seguida, a propaganda utiliza uma citação famosa de Mahatma Gandhi para contestar os concorrentes da Linux. Com o trecho “Primeiro eles te ignoram, depois riem de você, depois brigam, e então você vence”, o comercial exalta o crescimento da marca e brinca com declarações feitas por terceiros sobre esse sistema operacional.

IBM

Com o nome “O futuro é aberto”, a IBM, empresa do setor de informática, lançou essa propaganda do sistema operacional Linux em 2003. No comercial, é possível observar uma criança prodígio, que aprende informações dos mais diversos assuntos num curto período de tempo. A criança representa a própria Linux, que rapidamente se tornou uma das grandes referências do mercado em sistemas operacionais.

Num determinado momento, ensinam essa criança que “coletar dados é o primeiro passo para o conhecimento, mas compartilhar esses dados é o primeiro passo para a criação de uma comunidade”, o que é uma clara alusão a estratégia de mercado Linux, pois o mesma conta com um código aberto e ainda promove o compartilhamento de dados entre os seus usuários.

Linux Foundation

Lançada em 2012 a Linux Foundation, faz este comercial que tem o objetivo de explicar para o público as dimensões e o alcance do Linux, além de mostrar de forma simplificada como funciona o processo de desenvolvimento dos sistemas operacionais que usam o Linux Kernel. Ao longo da propaganda, várias informações impressionantes são apresentadas, como o fato de 9 a cada 10 supercomputadores estarem utilizando o Linux e quase 1 milhão de smartphones com sistema Linux serem ativados diariamente.

O comercial também destaca que, ao contrário dos sistemas Windows e iOS, o sistema Linux é desenvolvido de forma conjunta, comunitária e já se tornou o maior projeto de desenvolvimento colaborativo da história da computação. Desde 2005, cerca de 8 mil desenvolvedores ao redor do mundo contribuíram diretamente para o Linux, número esse que permanecerá a crescer continuamente.

Você conhece mais comerciais sobre o sistema Linux que acha importante citar aqui? Deixe nos comentários!

Written by Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Serviço Safe DNS do Firefox Nightly entra em fase de testes

Serviço Safe DNS do Firefox Nightly entra em fase de testes

Fedora remove pacotes inseguros e lança Fedora Silverblue

Fedora remove pacotes inseguros e lança Fedora Silverblue