in

Dell XPS 13 vem com Tiger Lake rodando Ubuntu 20.04.

Além de os notebooks ganharem os mais recentes processadores Core de 11ª geração e gráficos integrados Xe, o Developer Edition será o primeiro laptop Tiger Lake a ser fornecido com Linux Ubuntu 20.04TLS pré-carregado.

A Dell acaba de anunciar uma atualização dos laptops XPS 13 com os novos processadores Tiger Lake da Intel rodando o novo Ubuntu 20.04 LTS de fábrica. Esta faz parte de processadores da família Tiger Lake de 11ª geração. Assim, os fabricantes de sistemas estão começando a anunciar laptops novos e atualizados (até mesmo Chromebooks) que aproveitarão o aumento de desempenho e gráficos integrados Iris Xe.

O XPS 13 e suas variantes – o XPS 13 2 em 1 e o XPS 13 Developer Edition equipado com Linux – são exatamente o tipo de sistema fino e leve para os quais Tiger Lake foi projetado. Usando LPDDR4 RAM atualizado (8 GB a 32 GB no caso do XPS), o Iris Xe recebe um impulso substancial sobre a GPU integrada da Intel anterior, enquanto as CPUs de 10 nanômetros desbloqueiam mais desempenho de cada núcleo sem reduzir a vida útil da bateria. As novas configurações XPS serão equipadas com o Core i3-1115G4, i5-1135G7 ou i7-1165G7, sendo este último chips quad-core.

Dell XPS 13 vem com Tiger Lake rodando Ubuntu 20.04

Dell XPS 13 vem com Tiger Lake rodando Ubuntu 20.04

A Dell aproveitou a oportunidade para ajustar o design da linha XPS com a adição de novos componentes. A tela reduziu o tamanho da moldura, melhorando a proporção tela-corpo para 91,5 por cento. Por outro lado, o teclado e o touchpad aumentaram de tamanho. A tela de 13,4 polegadas está disponível em resoluções 1080p HD ou 4K, com o XPS 13 2 em 1 obviamente possuindo funcionalidade de tela de toque padrão, embora esteja disponível como uma opção para os modelos XPS 13 clamshell.

O Tiger Lake traz uma nova ênfase no suporte a Thunderbolt 4 e os novos modelos XPS incluem um par dessas portas, que podem alimentar dispositivos externos e fornecer recursos DisplayPort com rendimento de 40 Gb/s. A Dell oferece conectividade Killer Wi-Fi 6 de alto desempenho como opção de rede. As opções de armazenamento são os drives de estado sólido PCIe. Capacidades variam de 256 GB a 1 TB. A Dell afirma ter quase 19 horas de vida útil da bateria do XPS 13 e da Developer Edition. Em relação ao XPS 2 em 1 menciona apenas “longa vida útil da bateria”.

Dell e open source

A Dell há muito apoia a causa do código-fonte aberto do Linux por meio das XPS Developer Editions. Assim, atualizou a XPS 13 Developer Edition para ser o primeiro laptop Tiger Lake a ter o Ubuntu 20.04 LTS pré-instalado. Mesmo que você compre um XPS 13 que não seja um Developer Edition, a Dell tem trabalhado para tornar mais fácil adicionar Linux para rodar junto com o Windows ou substituí-lo completamente.

As novas configurações do XPS estarão disponíveis na América do Norte a partir de 30 de setembro. O XPS 13 custará a partir de US$ 999. Do mesmo modo, o XPS 13 2 em 1 sairá a partir de US $ 1.249. Ainda não se sabe o preço da Developer Edition. O XPS 13 e o XPS 2 em 1 virão nas opções de cor prata ou branco. Porém, a opção branca só estará disponível para o modelo 2 em 1 em 30 de setembro. A versão clamshell disponível em uma data posterior não especificada.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.