Firefox 63 recebe atualização e Firefox 64 tem versão beta

A Mozilla acaba de anunciar uma atualização do navegador Firefox 63. A versão 63.0.1 deve chegar às principais distribuições Linux nos próximos dias. Lembrando que o Firefox está disponível também para Android, IOS, OS X e Microsoft Windows pela Mozilla Corporation e Mozilla Foundation. Saiba neste post que o Firefox 63 recebe atualização e Firefox 64 tem versão beta.

Características

Este navegador usa o mecanismo Gecko para renderizar páginas da web , implementando padrões atuais e futuros da web.

Entre suas características estão a navegação tradicional com guias, corretor ortográfico (que pode ser incluído via Mozilla Add-ons), busca progressiva, marcadores dinâmicos.

Além disso, possui:
  • gerenciador de downloads;
  • leitor de RSS;
  • navegação privada;
  •  navegação com georreferenciamento;
  • aceleração através de GPU;
  • e integração do mecanismo de busca desejado pelo usuário.

Do mesmo modo, ele pode ser instalado tanto off-line quanto on-line a partir da página web.

Atualização do Firefox 63.0.1

Algumas semanas atrás, a nova versão do Firefox 63 foi recebida.  Então, ela adiciona um conjunto de opções para gerenciar o bloqueio de conteúdo.

Com isso, é oferecida ao usuário a possibilidade de ativar o bloqueio de cookies e scripts de terceiros usados ??para rastrear a navegação.

Para cada site na barra de endereços, ele mostra um ícone especial que mostra o status de bloqueio de scripts e cookies.

Porém, recentemente, uma nova versão do Firefox 63.0.1 foi lançada. Ela corrige vários erros:
  • Resolvido o problema com a exibição de recomendações de sugestões (fragmentos). Isso ocorria quando uma nova guia era aberta;
  • A opção de escala para o tamanho da página foi definida na interface de pré-visualização antes da impressão;
  • Na caixa de diálogo de confirmação de fechamento de várias janelas para algumas configurações regionais (incluindo ru, fr e de), o espaço reservado “% 1 $ S” é exibido.

Ao mesmo tempo, há uma nova versão do cliente de email Thunderbird 60.3.0. Então, foram corrigidas 19 vulnerabilidades críticas e vários outros bugs.

Do mesmo modo, foram resolvidos:
  • Problemas relacionados ao registro;
  • Substituição de arquivos ao salvar;
  • Edição de modelos;
  • Filtragem de cabeçalhos e anexos;
  • e conclusão automática de endereços de listas de discussão.

Melhorias para o Firefox 64 Beta

firefox

 

Além disso, podemos ver a inclusão do sistema de composição Servo WebRender na versão beta do Firefox 64. Ele é escrito na linguagem Rust e carrega o conteúdo da página na GPU. O atual Gecko, no entanto, processa os dados através da CPU.

Os ‘shaders’ são executados na GPU. Assim, acelera a representação dos elementos da página, facilitando o carregamento de imagens e reduz a carga na CPU.

Novo padrão

Até o momento, o WebRender foi proposto como a opção padrão para testar. No entanto, apenas usuários de placas de vídeo NVIDIA que executam o Windows 10 podem fazê-lo.

Você poderá ativar o WebRender manualmente em sistemas com outras placas de vídeo e sistemas operacionais através da variável “gfx.webrender.all.qualified” em about: config.

Alterações no Firefox 64-beta

  • Você também pode selecionar simultaneamente várias guias para mover, silenciar, adicionar aos favoritos ou pin.
  • Layout de página completamente redesenhado.
  • O suporte para pré-visualizar feeds RSS e o modo Live Bookmarks foi removido, permitindo ver notícias por subscrição com uso de marcadores atualizados.

Como obter a nova atualização do Firefox 63.0.1?

A maneira mais rápida de obter essa nova atualização de correção para o Firefox 63 é baixar o tarball que a Mozilla oferece diretamente de seu site de download. Depois, é preciso compilá-lo para, então, ser instalado.

Caso contrário, você poderá esperar alguns dias. Assim, as atualizações devem chegar pelo próprio navegador. Igualmente, devem ser disponibilizados nos repositórios de sua distribuição Linux.

Fonte

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

RHEL 7.6 E Versões Futuras Não Terão KDE

Previous article

KDE reformula ícones, Discover e KWin Work

Next article

You may also like

More in Notícias