in

Investimentos da Microsoft no mundo do Android não têm uma coisa essencial

O Surface Duo deve levar à criação de uma nova categoria de dispositivos.

A Microsoft está apostando muito no Android. Sem dúvida, isso é algo que a empresa de software número um do mundo precisa fazer. A Microsoft vê o ecossistema Android como foco principal de sua estratégia móvel de longo prazo.

O Surface Duo é a prova viva de que a empresa está pronta para avançar para o próximo nível. Em suma, a Microsoft está mudando de software para hardware.

Investimentos da Microsoft no mundo do Android não têm uma coisa essencial

O Surface Duo deve levar à criação de uma nova categoria de dispositivos. No entanto, o dispositivo continua sendo a primeira grande aposta da Microsoft no hardware Android e, sem dúvida, a empresa não deve parar por aqui, independentemente desse primeiro experimento ser bem-sucedido ou não. Além disso, há algo que a Microsoft precisa para sua ofensiva: um telefone tradicional que manteria os usuários parte do ecossistema da Microsoft de uma ponta a outra.

Investimentos da Microsoft no mundo do Android não têm uma coisa essencial
O Surface Duo deve levar à criação de uma nova categoria de dispositivos.

Pouco depois de acabar com o Windows 10 Mobile, a Microsoft começou a investir agressivamente em aplicativos Android, como o Outlook e o Office, que se tornaram rapidamente alguns dos principais downloads da Play Store. A disponibilização de seus serviços em todos os lugares fazia parte da estratégia da Microsoft de permanecer relevante no mundo móvel, mesmo sem um sistema operacional próprio.

Agora que a Microsoft está pronta para usar hardware com o Android, fica bem claro que a empresa não deseja que seja apenas sobre aplicativos. Ela quer que os usuários executem seus aplicativos em seu próprio dispositivo.

O Surface Duo em si é um projeto interessante, mas é muito claro que não foi construído para as massas. Nem sequer é voltado para os consumidores. Ele foi desenvolvido apenas para um nicho que se resume principalmente a um grupo seleto de clientes corporativos em que a produtividade é a única coisa importante.

Portanto, o que a Microsoft precisa é de um telefone Android para todos. Não apenas para empresas, mas também para os consumidores. A Microsoft precisa de um telefone que seja especificamente voltado para usuários da Microsoft, independentemente de serem consumidores ou empresas.

Fonte: Softpedia

Navegador Chromium está recebendo um emulador de tela dupla

Espera-se que o telefone Android da Microsoft seja lançado este ano

Veja aplicativos executados no primeiro telefone Android da Microsoft

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.