in

Lançado GNU Emacs 27.1, um editor de texto de código aberto e gratuito

O GNU Emacs está disponível para Linux, macOS e Windows.

Lançado GNU Emacs 27.1, um editor de texto de código aberto e gratuito
Imagem: Divulgação.

Após um ano de desenvolvimento, Nicolas Petton lançou a versão 27.1 do editor de texto GNU Emacs. O GNU Emacs 27.1 vem com mudanças desde instalação, inicialização e edição até mudanças em modos e pacotes especializados.

O GNU Emacs é um dos mais poderosos editores de texto de código aberto e gratuito, disponível para vários sistemas operacionais, como Linux, macOS e Windows.

Lançado GNU Emacs 27.1

Com o Emacs 27.1, a funcionalidade de desenho do Cairo não é mais experimental. Agora, se você configurar o Cairo drawing usando o Cairo 1.16.0 com o Emacs 27.1, você pode até exibir fontes multicoloridas.

Lançado GNU Emacs 27.1, um editor de texto de código aberto e gratuito
O GNU Emacs é um dos mais poderosos editores de texto de código aberto e gratuito, disponível para vários sistemas operacionais, como Linux, macOS e Windows.

Além disso, ele traz suporte para impressão embutida quando você constrói o Emacs com GTK+. No entanto, se você deseja construir o Emacs com GTK 2 e GTK 3, agora você precisa de GTK 2.24 e GTK 3.10 respectivamente.

Outra mudança importante que o GNU Emacs 27.1 inclui é a eliminação da configuração padrão do ImageMagick. Isso significa que o Emacs não usa mais o ImageMagick para exibir, redimensionar e girar imagens devido a questões de segurança e estabilidade. No entanto, se ainda quiser o ImageMagick, você pode substituir o padrão usando configure –with-imagemagick.

Por falar no novo modo, o Emacs 27.1 adicionou um novo comando tab-bar-mode, que ativa a barra de guias no topo de cada quadro. Além disso, você pode usar um novo comando global-tab-line-mode para habilitar a linha da guia acima de cada janela.

No modo de imagem, ele adicionou uma nova biblioteca Exif que pode analisar arquivos JPEG e dados de saída. Mesmo o modo de imagem usa esta biblioteca para girar imagens automaticamente de acordo com a orientação nos dados Exif.

A lista de novos aprimoramentos não termina aqui. Portanto, para obter todos os detalhes, leia o resumo do Emacs 27.1. Por outro lado, se você quiser baixar o GNU Emacs 27.1, vá para a página oficial. Se você já estiver usando o Emacs, basta atualizar o pacote usando o gerenciador de pacotes padrão em seu sistema.

Fonte: Fossbytes

Fedora vai tornar o Nano o editor de texto padrão do terminal

Editor de texto Kate do KDE traz melhorias no LSP

Editor de texto GNU Nano chega à versão 4.0