in

Twitter remove um recurso usado desde o início e exclui milhões de contas inativas antigas

Agora, as pessoas não poderão receber tweets por mensagens SMS.

Nos últimos meses, a segurança cibernética se tornou mais importante do que nunca, enquanto todos confiamos em tecnologia e mídia social para comunicação e trabalho. O Twitter decidiu se livrar de um recurso que estava presente desde o início da existência da plataforma e excluiu milhões de contas inativas antigas, a fim de oferecer melhor segurança.

Twitter remove um recurso usado desde o início e exclui milhões de contas inativas antigas

O The Independent relata que o Twitter decidiu remover o recurso de enviar tweets via SMS porque não oferece segurança suficiente. No ano passado, a conta do CEO do Twitter, Jack Dorsey, foi invadida por meio do serviço, permitindo que as pessoas twitassem por SMS. Agora, as pessoas também não poderão receber tweets por mensagens SMS.

Twitter remove um recurso usado desde o início e exclui milhões de contas inativas antigas
Imagem: James Martin | CNET.

Após o hack do ano passado da conta do Twitter de Dorsey, novas vulnerabilidades (relacionadas ao recurso SMS) foram descobertas e agora o serviço foi desativado para a maioria dos países. O recurso permanecerá ativo apenas nos países que dependem dele para usar o Twitter devido a uma conexão de internet ruim. Além disso, a empresa afirmou que notificações importantes relacionadas ao login ou gerenciamento de contas do Twitter, entregues via SMS, ainda estarão acessíveis e funcionais.

Além do mais, o Twitter supostamente excluiu milhões de contas inativas criadas por SMS, pois a empresa as considerava inseguras e vulneráveis. A declaração do Twitter acrescentou que, devido à remoção de algumas contas, as pessoas podem ver uma queda na contagem de seguidores, mas isso é feito para garantir que a contagem de seguidores seja a mais precisa e significativa possível.

Fonte: Phone Arena

Leia mais:

O chefe do Twitter, Jack Dorsey, está doando US$ 1 bilhão para financiar ajuda relacionada à COVID-19

Twitter quer facilitar a verificação dos especialistas em saúde para combater a desinformação relacionada ao coronavírus

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.