in

WhatsApp agora tem mais de 2 bilhões de usuários

O app foi adquirido pelo Facebook em 2014 por US$ 19 bilhões.

WhatsApp agora tem mais de 2 bilhões de usuários
Imagem: Reprodução | Android Authority.

O WhatsApp anunciou que ultrapassou a marca de 2 bilhões de usuários. Assim, ele se torna o segundo serviço de propriedade do Facebook a atingir esse marco depois que a própria rede social atingiu esse número em 2017.

O aplicativo de mensagens móveis foi lançado inicialmente em 2009 e foi adquirido pelo Facebook em 2014 por US$ 19 bilhões. Em 2017, atingiu a marca de 1 bilhão de usuários ativos.

WhatsApp tem mais de 2 bilhões de usuários

Embora o WhatsApp tenha sido o aplicativo de bate-papo mais popular do mundo, ele teve sua cota de controvérsia. Brian Acton e Jan Koum, co-fundadores do aplicativo, deixaram o Facebook em 2017 e 2018, respectivamente. O motivo de sua saída da empresa foi um desacordo com a gerência em relação à inclusão de anúncios no aplicativo como forma de monetizar o WhatsApp.

No ano passado, o app foi atingido fortemente, uma vez que o NSO Group, uma empresa de segurança com sede em Israel, usou uma falha no WhatsApp para atingir jornalistas e ativistas em todo o mundo. Mais tarde, em outubro, o Facebook processou a empresa israelense.

WhatsApp agora tem mais de 2 bilhões de usuários
Os funcionários do WhatsApp dizem que a privacidade dos usuários é sua maior prioridade. Imagem: Reprodução | The Next Web.

Além disso, governos em todo o mundo pressionaram o WhatsApp para permitir o rastreio da origem de uma mensagem potencialmente problemática. No entanto, a empresa permaneceu firme até agora e disse que essa função exigiria que eles quebrassem a criptografia e colocassem em risco a privacidade dos clientes.

Por fim, em uma entrevista publicada no Wall Street Journal, Will Cathcart, CEO do WhatsApp, disse:

O foco da empresa em criptografia e comunicações privadas era [o modelo certo] para mensagens, apesar das complicações comerciais e regulatórias.

Fonte: The Next Web

Leia também:

Fundador do Telegram critica WhatsApp e diz que backdoors são camuflados como falhas de segurança

Índia forçará WhatsApp e Facebook a rastrear criadores de conteúdo inadequado

A invasão do WhatsApp de Jeff Bezos é um lembrete de como todos podem ser hackeados

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

Endless OS 3.7.7 adiciona suporte ao Raspberry Pi 4

Endless OS 3.7.7 adiciona suporte ao Raspberry Pi 4

Lançado o software de captura de tela Ksnip 1.6.0

Lançado o software de captura de tela Ksnip 1.6.0