in

WhatsApp: os Estados Unidos querem forçar o Facebook a incorporar um backdoor

Departamento de justiça dos EUA sugere pausa ao Facebook, na implantação de criptografia de ponta a ponta em seus aplicativos

whatsapp-os-estados-unidos-querem-forcar-o-facebook-a-incorporar-um-backdoor

O WhatsApp e o Facebook, são alvo de fortes críticas do Departamento de Justiça dos EUA em uma carta à empresa Mark Zuckerberg para fazer uma pausa na implantação da criptografia de ponta a ponta em seus aplicativos. E exige que o Facebook e outras empresas de tecnologia americanas incluam um backdoor em seu aplicativo de mensagens, para que seja possível contornar a criptografia sob demanda da justiça.

A acusação vem do procurador-geral dos EUA, William Barr: ele está prestes a emitir uma carta aberta conjunta com seus colegas britânicos e australianos contra a criptografia de ponta a ponta. Não é a primeira vez que a justiça americana critica a criptografia de ponta a ponta. A batalha armada entre o Departamento de Justiça dos EUA e a GAFAM já dura mais de uma década.

E se o Facebook não tiver escolha? Como será?

Segundo a administração, a criptografia de ponta a ponta limita a ação da justiça em certas investigações criminais. Especialmente em assuntos terroristas. Um problema que ele reclama regularmente: a última data de 2016 – estamos no meio da investigação dos ataques de San Bernardino e o DOJ pede à Apple acesso aos dados do iPhone de um dos terroristas. A empresa se recusa, forçando o FBI a gastar uma quantia extravagante para acessar esses dados.

Desta vez, o alvo não é mais a Apple, mas o Facebook, que fornece criptografia de ponta a ponta em todos os seus aplicativos. A criptografia implementada pelo Facebook impede que a rede social tenha acesso as trocas de mensagens mesmo em caso de demanda da justiça.

O site ArsTechnica, divulgou um trecho desta carta aberta onde é dito pelo demandante, que as empresa não devem projetar seus aplicativos de maneira que venha impedir o acesso as informações. Alega que isso é um risco para os cidadãos e sociedades.

Além disso, o departamento dos EUA diz que a criptografia de ponta a ponta, viola a capacidade da aplicação da lei de investigar esses e outros crimes graves. Dito isso, caso o Facebook venha cumprir o pedido feito, tudo pode mudar em torno dos seus aplicativos.

Se o Facebook decidir por acatar o pedido, com toda certeza um backdoor será inserido em sua plataforma na tentativa de ignorar a segurança da criptografia quando necessário. Por sua vez, o Facebook fez a seguinte declaração:

Acreditamos que as pessoas têm o direito de ter conversas privadas on-line, onde quer que estejam no mundo. Como sabem os governos dos EUA e do Reino Unido, a Lei CLOUD permite que as empresas forneçam os dados disponíveis no caso de uma solicitação legalmente válida e não exige que elas utilizem backdoors…nos opomos fortemente às tentativas do governo de criar backdoor porque compromete a privacidade e a segurança das pessoas em todo o mundo.

Até o momento nenhuma outra medida foi tomada, mas é fato que o assunto deva voltar à discussão o quanto antes.

Com informações do ArsTechnica, PhonAndroid, TheNewYorkTimes.

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

o-android-agora-e-mais-importante-para-a-microsoft-do-que-o-windows

O Android agora é mais importante para a Microsoft do que o Windows!

malware-android-roubou-dinheiro-de-800-000-contas-bancarias

Malware Android roubou dinheiro de 800.000 contas bancárias!