in

Endeavour é o sistema que promete salvar o Antergos

Ideia é construir um sistema completamente novo. Lançamento está previsto para 1º de julho.

Endeavor é o sistema que promete salvar o Antergos
Imagens feitas por usuários

Nada se cria e tudo se copia? Bem, talvez neste caso, não necessariamente. Embora seja uma cópia, alguns desenvolvedores prometem dar continuidade a um projeto que chegou a fazer sucesso entre alguns usuários do Linux, o Antergos, construído em cima do Arch Linux. Como relatamos por aqui, os mantenedores do projeto original resolveram descontinuar a distribuição. Eles alegaram não terem tempo livre para dedicação ao projeto. Os usuários e a comunidade Linux em geral foram pegas de surpresa com a decisão. As razões são óbvias e já abordamos o assunto. Muitas distribuições Linux são desenvolvidas porque alguém acha que elas podem fazer coisas melhores ou diferentes. No entanto, fazem isso por amor à arte e não obtêm benefícios. Endeavour é o sistema que promete salvar o Antergos.

Endeavour será feito a partir do código do finado Antergos

Endeavor é o sistema que promete salvar o Antergos
Imagens de usuários do antigo fórum Antergos.

Assim, os desenvolvedores da Antergos perceberam que não estavam oferecendo o suporte que mereceria uma distribuição como a deles. Então, decidiram abandonar o projeto agora. Porém,  segundo eles, o código ainda estava disponível e outro poderia cuidar dele. E foi o que aconteceu: Endeavour será seu novo nome.

Essa é a coisa boa sobre a comunidade Linux: é enorme. Vários dos moderadores do projeto se uniram para que a Endeavour possa seguir os passos iniciados pela Antergos, um sistema que foi baixado cerca de um milhão de vezes em seu curto tempo de vida. A nova equipe pediu a Karasu, o dono anterior, para deixá-la usar o código, mas não o nome. Não usar o nome tem um significado: Antergos foi seu projeto e usá-lo significaria que os mesmos desenvolvedores ainda estão lá. Usando outro nome também lhes dá a possibilidade de fazer todas as mudanças que eles acham necessárias e não lançar um clone de Antergos.

Eu me juntei aos moderadores a seguir para discutir o futuro dessa comunidade: @anarch , @fernandomaroto , @joekamprad , @manuel , @Keegan e também @luke_d. Estes são todos os membros que deram, à sua maneira, uma contribuição inestimável para a comunidade, disse no anúncio oficial o líder do projeto, Bryanpwo.

O sistema Endeavour pode ser desenvolvido “do zero”

Distribuição Antergos chega ao fim

A distro Endeavor será uma distribuição que levará a comunidade em consideração. A primeira coisa que eles precisam fazer é mudar a comunidade para outro fórum. O anterior vai fechar e ainda tem “Antergos” em seu UR. Eles esperam que o novo site seja mais atraente e inclua seções sobre Linux e tecnologia. Em termos de distribuição, a equipe da Endeavor quer desenvolver uma distribuição tão próxima do Arch Linux quanto era até agora. Você terá um instalador offline chamado Portergos que incluirá algumas mudanças e incluirá o instalador on-line derivado do Chchi.

 Endeavor, sistema que promete salvar o Antergos estará disponível a partir de 1º de julho

O Endeavour estará disponível a partir de 1º de julho de 2019. Resta saber é se tudo estará pronto nesse mesmo dia, ou seja, sistema operacional, fórum e site. O que sabemos é que estará disponível em 10 ambientes gráficos diferentes, desde que executemos a instalação. Se usarmos uma sessão live, ela estará disponível apenas no Xfce.

Por outro lado, haverá duas versões: o Rookie será uma versão de teste, enquanto o Antares será a versão oficial. Você está feliz que Antergos encontrou uma maneira de continuar vivo? Dê sua opinião em nosso grupo do Telegram: @sitesempreupdate.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

OpenSUSE ativa LTO por padrão para Tumbleweed

openSUSE Leap 42.3 chega ao fim da vida em 30 de junho

Linux Mint 19.2 "Tina" será lançado nesta semana e Cinnamon 4.2 chegará ao LMDE 3 em breve

Linux Mint tem recorde de doações e facilita instalação do Wine