in

França e Holanda exigem regulamentação do Google e do Facebook

A União Europeia está se tornando cada vez mais dura com as grandes empresas de tecnologia dos Estados Unidos.

A França e a Holanda estão pedindo à União Europeia (UE) que crie uma nova agência para monitorar grandes empresas de tecnologia (como Google e Facebook), para evitar que essas empresas monopolizem o mercado.

Atualmente, Margrethe Vestager, a comissária antitruste da UE, está elaborando a Lei de Serviços Digitais. Esta lei visa estabelecer regras básicas para o compartilhamento de dados e o funcionamento do mercado digital.

França e Holanda exigem regulamentação do Google e do Facebook

O estabelecimento de tal instituição pode conter grandes empresas de tecnologia. Elas não podem simplesmente impedir a entrada de novos concorrentes no mercado, a menos que tenham uma razão objetiva.

França e Holanda exigem regulamentação do Google e do Facebook
A França e a Holanda estão pedindo à União Europeia (UE) que crie uma nova agência para monitorar grandes empresas de tecnologia (como Google e Facebook).

Mona Keijzer, a secretária de estado de Assuntos Digitais da Holanda, disse:

Essas grandes plataformas de tecnologia podem dificultar a entrada de novas empresas. Eles também podem limitar a liberdade de escolha para consumidores e empresas.

Cédric O, ministro francês de Assuntos Digitais, disse:

O nosso objetivo comum é conceber uma estrutura que aborde o impacto destes atores na economia europeia e quebre o seu monopólio.

Atualmente, a Comissão Europeia está se tornando cada vez mais dura com as grandes empresas de tecnologia dos Estados Unidos. O Google e o Facebook foram sujeitos a investigações antitruste. Em alguns desses casos, eles ainda têm que pagar multas pesadas. Além disso, a aquisição da Fitbit pelo Google por US$ 2,1 bilhões também está sendo analisada pela União Europeia.

Segundo relatos, a Lei de Serviços Digitais que está sendo redigida estipula que as grandes empresas devem compartilhar dados com os concorrentes. Se não for esse o caso, eles próprios não podem usar os dados para fornecer serviços especiais.

Fonte: Gizchina

União Europeia abre uma investigação em larga escala sobre a aquisição da Fitbit pelo Google

União Europeia impôs sanções contra China, Rússia e Coreia do Norte por hacks

União Europeia troca o WhatsApp pelo Signal