in

Novo recurso do MIUI 11 da Xiaomi alertará sobre aplicativos que usam permissões sensíveis

O recurso é conhecido como App Behavior Records.

Novo recurso do MIUI 11 da Xiaomi alertará sobre aplicativos que usam permissões sensíveis
Imagem: Reprodução | Fossbytes.

Os desenvolvedores tendem a abusar das permissões dos aplicativos, ou seja, solicitando permissões não relacionadas à funcionalidade do aplicativo. O Google resolveu o problema, reforçando as regras de triagem de aplicativos para a Play Store e renovando todo o sistema de permissões do Android 10. Além disso, a versão mais recente do Android introduziu um recurso de segurança que permite aos usuários conceder acesso temporário ao GPS nos aplicativos quando eles estão abertos. Por outro lado, como relata o site XDA Developers, o MIUI 11 da Xiaomi está testando um novo recurso que registra o comportamento do aplicativo ao lidar com permissões sensíveis.

MIUI 11 da Xiaomi e as permissões

Novo recurso do MIUI 11 da Xiaomi alertará sobre aplicativos que usam permissões sensíveis
Imagem: Reprodução | Fossbytes.

O recurso mais recente do MIUI 11 é conhecido como App Behavior Records. Ele faz principalmente duas coisas: primeiro, registra o comportamento do aplicativo. Por exemplo, quando o aplicativo é iniciado automaticamente ou força o lançamento de outros aplicativos.

Segundo, ele registra as ações sensíveis usadas pelos aplicativos. Essas ações no MIUI 11 incluem a gravação de áudio em segundo plano, a realização de uma ligação telefônica, o acesso ao histórico de chamadas, contatos, localização, mensagens de texto, arquivos e algumas outras.

Os usuários poderão controlar se serão notificados quando um aplicativo específico estiver acessando permissões ou se intrometendo em ações sensíveis. Atualmente, a Xiaomi está testando o recurso. Portanto, não podemos garantir que ele seja lançado em versões futuras do MIUI 11.

No entanto, o recurso de segurança certamente ajudaria a impedir que os desenvolvedores de aplicativos espiassem os dados dos usuários. Além disso, isso aumentaria a exclusividade do MIUI 11.

Fonte: Fossbytes

Leia também:

O MIUI 11 da Xiaomi recebe novos desenvolvimentos no modo escuro e gestos

O que se sabe até agora sobre o smartphone Xiaomi Redmi K30

Huawei, Oppo, Vivo e Xiaomi se unem para substituir o Google PlayStore

Xiaomi investirá US$ 7,2 bilhões em 5G, IA e IoT em cinco anos

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.