000 - 5 dicas após instalar o Fedora

Neste artigo, 5 dicas após instalar o Fedora, relacionamos dicas para melhorias de usabilidade e segurança da distribuição Fedora de forma geral e do ponto de vista do autor. As dicas abaixo foram validadas no Fedora 28 em uma instalação padrão.

 

1. Efetuar a atualização do sistema

Primeiramente devemos sempre atualizar o sistema operacional. Assim evitamos problemas de segurança e corrigimos possíveis bugs. Existem duas formas para se executar isso:

Via interface gráfica:

Vá em “Atividades – Programas – Atualizações” e clique em “Reiniciar & atualizar”.

001 - 5 dicas após instalar o Fedora Programas

 

Ou via linha de comando:

Execute o comando abaixo com o usuário root:

dnf update

 

2. Instalar antivírus

Em segundo lugar, sabemos que sistemas operacionais Linux são bem seguros e por padrão, no Fedora, já temos ferramentas de segurança habilitadas, como o firewalld e o SELinux. Mas é sempre bom garantir segurança a mais com a utilização de um antivírus para evitar possíveis ataques. Portanto, basta instalar qualquer antivírus da sua preferência. Nesta dica, utilizaremos o ClamAV.

Via linha de comando, execute o comando abaixo com o usuário root:

dnf install clamav clamtk

O pacote clamtk é o responsável pela interface gráfica do ClamAV. Para acessá-lo, basta ir em “Atividades” e digitar na barra de pesquisas “ClamTK”:

009 - 5 dicas após instalar o Fedora

 

Após a instalação, basta efetuar um update da base de dados e uma varredura com os comandos abaixo, executando com o usuário root:

freshclam

clamscan

 

3. Habilitar o RPM Fusion e instalar codecs de áudio e vídeo

O RPM Fusion é um repositório extra não só para o Fedora, mas também para outros derivados da família Red Hat. Neste repositório temos pacotes adicionais que não estão nos repositórios oficiais. Por exemplo, softwares proprietários, que na maioria dos casos incluem codecs de vídeo e players como o VLC. Para habilitá-lo, basta seguir os passos:

Executar as linhas de comando abaixo com o usuário root:

dnf install https://download1.rpmfusion.org/free/fedora/rpmfusion-free-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm \
https://download1.rpmfusion.org/nonfree/fedora/rpmfusion-nonfree-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm

Desta forma teremos o RPM Fusion habilitado para utilização. Agora vamos instalar os codecs básicos de áudio e vídeo com o comando abaixo:

dnf install gstreamer-plugins-base gstreamer1-plugins-base gstreamer-plugins-bad gstreamer-plugins-ugly \
gstreamer1-plugins-ugly gstreamer-plugins-good-extras gstreamer1-plugins-good-extras \
gstreamer1-plugins-bad-freeworld ffmpeg gstreamer-ffmpeg

 

4. Instalar o Gnome Tweak Tools e habilitar a visão noturna

O GNOME é a interface gráfica padrão utilizada no Fedora e não vem com tantas possibilidades de ajustes. Com o Gnome Tweak Tools é possível fazer ajustes úteis e poderosos, por exemplo mudar ícones, fontes e administrar inicialização de programas junto com o boot.

002 - 5 dicas após instalar o Fedora

Para instalá-lo, basta executar o comando abaixo como usuário root:

dnf install gnome-tweak-tool

Após a instalação, basta ir em “Atividades” e digitar na barra de pesquisas “Ajustes“.

003 - 5 dicas após instalar o Fedora

 

Outra ferramenta que considero muito interessante é o Gnome Night Light. Esta ferramenta proporciona o que hoje em dia chamamos de “luz noturna” ou “modo de leitura”. Portanto esta ferramenta diminui as luzes azuis emitidas pelo monitor que podem agredir a visão e nos tirar o sono. Especificamente no Fedora 28, esta ferramenta já vem por padrão no Gnome, bastando somente habilitá-lo. Para isso, basta:

Acessar “Atividades – Configurações – Dispositivos – Telas – Luz noturna”:

004 - 5 dicas após instalar o Fedora

 

Clicar na opção “Luz noturna” e surgirá a janela a seguir:

005 - 5 dicas após instalar o Fedora

 

Basta habilitar o botão “Luz noturna”. É possível predefinir um horário que a luz noturna ficará habilitado (Manual) ou ele automaticamente entrará no modo luz noturna conforme o horário do sistema operacional (Pôr do sol ao nascer do sol).

Com a luz noturna habilitada, surgirá o ícone relativo no canto superior direito, conforme tela a seguir. Note que com a opção Luz Noturna, a tela fica mais “confortável” e sem a luz azul.

006 - 5 dicas após instalar o Fedora Editado

 

5. Instalar o BleachBit

O BleachBit é um utilitário que libera rapidamente o espaço em disco. É possível liberar cache, excluir cookies, limpar o histórico da Internet, destruir arquivos temporários, excluir logs e esvaziar a lixeira. Portanto, utilizando periodicamente o BleachBit, teremos um sistema mais limpo e com mais espaço em disco disponível.

007 - 5 dicas após instalar o Fedora Bleachbit

Para instalá-lo, basta executar a linha de comando abaixo com o usuário root:

dnf install bleachbit

Após isso, basta acessá-lo em “Atividades” e digitar na barra de pesquisas “Bleachbit”.

008 - 5 dicas após instalar o Fedora

 

Esperamos que estas 5 dicas após instalar o Fedora melhorem a sua experiência com esta distribuição. Comente abaixo mais alguma dica que ficou faltando aqui e participe no nosso grupo no Telegram. Até breve!

LuKazHiro
Entusiasta Linux desde a época em que as distribuições eram vendidas em CD's nas bancas de jornais. Formado em Ciência da Computação, certificado LPIC-3 e RHCE. Estudante constante de tecnologia, sempre procurando, ensinando e aprendendo com a galera!

SUSE continua desenvolvendo o Btrfs

Previous article

GNOME-Tweaks 3.30 está pronto

Next article

You may also like

More in Dicas