Primeiramente, ao instalar uma distribuição nova, o usuário busca instalar seus programas favoritos. Caso você seja um usuário iniciante, temos um guia para instalar programas facilmente no Manjaro por meio de interfaces gráficas para melhorar sua experiência com a distribuição. Este guia dividido em duas partes lhe ensinará como instalar programas pelo terminal no Manjaro.

Se você está migrando de alguma distribuição como Ubuntu, Linux Mint e outras derivadas do Debian, você deve estar acostumado a utilizar o gerenciador de pacotes apt para instalar seus programas. Ao utilizar o Manjaro, você irá se deparar com um gerenciador de pacotes diferente chamado pacman. Além do pacman, você irá baixar diretamente do Repositório de Usuário do Arch com o uso dos auxiliares do AUR.

Dessa forma, se você for um usuário mais experiente ou quiser aprender mais sobre o pacman e os auxiliares do AUR, você verá aqui a utilização de parâmetros usados pelo pacman e auxiliares do AUR e como instalar programas pelo terminal no Manjaro. Nessa primeira parte do nosso guia, veremos o como utilizar o pacman.

Como utilizar o pacman

Instalando pacotes 

Para instalar um ou mais pacotes, execute o comando:

sudo pacman -S pacote1 pacote2

Para instala o pacote sem precisar fazer confirmações, execute o comando:

sudo pacman -S pacote –-noconfirm

Para instalar um pacote local, execute o comando:

sudo pacman -U pacote.pkg.tar.gz

Para instalar um pacote que necessita ser baixado, execute o comando:

sudo pacman -U http://www.(sempreupdate.com.br)/pacote.pkg.tar.xz

Para gerar uma lista com todos os pacotes instalados pelos repositórios oficiais, execute o comando:

sudo pacman -Qqen > pacotes_de_repositorios_oficiais.txt

Para instalar todos os pacotes da lista gerada, execute o comando:

sudo pacman -S - < pacotes_de_repositorios_oficiais.txt
Note que a lista é apenas para os pacotes instalados pelos repositórios oficiais. Falaremos dos pacotes do AUR na parte 2 deste guia.

Removendo pacotes

Para remover um pacote, sem remover suas dependências, execute o comando:

sudo pacman -R pacote

Para remover pacotes e suas dependências não exigidas por outros pacotes instalados, execute o comando:

sudo pacman -Rs pacote

Com a finalidade de remover o pacote junto com as dependências não usadas por outros pacotes mais os arquivos de configuração, execute o comando:

sudo pacman -Rsn pacote

Para remover pacotes, suas dependencias e seus registros, execute o comando:

sudo pacman -Rscn pacote

Sincronizando e buscando por atualizações

Para sincronizar os repositórios, execute o comando:

sudo pacman -Sy

Para buscar atualizações, execute o comando:

sudo pacman -Su

Para fazer as duas ações anteriores, basta apenas usar os dois parâmetros simultaneamente, executando o comando:

sudo pacman -Syu

Para forçar a sincronização, execute o comando:

sudo pacman -Syy

Para obter sincronização total e procurar por atualizações, execute o comando

sudo pacman -Syyu
É recomendado o uso deste comando com frequência, a fim de que seu sistema fique o mais seguro e atualizado possível.

Configurando mirrors

A fim de obter uma boa mirrorlist para seus downloads, execute o comando:
sudo pacman-mirrors -f [número]

Em suma, note que se o número for 0 ele selecionará todos os mirrors, entretanto caso o número seja 5, ele escolherá os 5 melhores mirrors.

Dessa forma, essas informações são salvas no arquivo /etc/pacman.d/mirrorlist.

Ao executar sudo pacman-mirrors -f 5, foi gerado a mirrorlist com os 5 melhores mirrors para a minha localização.

Lembre-se que nem todos os programas que você deseja instalar estarão disponíveis nos repositórios oficiais, entretanto você provavelmente os encontrará no AUR. Dessa forma, se deseja aprender como intalar programas do AUR pelo terminal no Manjaro, fique ligado na parte 2 deste guia onde explicaremos os principais auxiliares do AUR, como funcionam e as diferenças entre eles.

Mateus Nicolas
Pesquisador de inteligência artificial voltado para à saúde. Responsável pelo grupo Manjaro Brasil no Telegram. Utiliza openSUSE no trabalho.

Conheça Summit, o supercomputador mais rápido do mundo que roda Linux.

Previous article

Como trocar o kernel no Manjaro

Next article

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Tutoriais