in

Linux Mint 19 “Tara” promete não coletar nem enviar dados pessoais ou do sistema

O fundador e líder do Linux Mint, Clement Lefebvre, publicou outro boletim informativo mensal hoje, desta vez para o mês de abril de 2018, para manter a comunidade atualizada com o desenvolvimento do sistema operacional Linux Mint 19 “Tara”.

linux-mint-com-cinnamon-abrira-aplicativos-mais-rapido

Agora que a Canonical lançou o sistema operacional Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver) , no qual o Linux Mint 19 “Tara” será baseado, é hora de a equipe do Linux Mint finalizar seus lançamentos. Ainda não há uma data fixa para o Linux Mint 19 “Tara”, nem para o LMDE (Linux Mint Debian Edition) 3, mas Clement Lefebvre disse que eles chegarão em breve. Assim, o novo Linux Mint promete não coletar nem enviar dados.

Assim, as versões beta sejam esperadas para o início do próximo mês, juntamente com a revelação oficial do ambiente de desktop do Cinnamon 3.8.  Porém, os lançamentos finais devem sair daqui a duas ou três semanas. Então, isso deve ocorrer no final de maio ou início de junho.

linux-mint-19-tara-ja-tem-data-certo-para-lancamento-confira

Clement Lefebvre também confirmou que a série de sistemas operacionais Linux Mint 19 “Tara” terá até três atualizações de manutenção. Portanto, são elas: Linux Mint 19.1, Linux Mint 19.2 e Linux Mint 19.3. Além disso, estará disponível em três edições com o Cinnamon, MATE, e ambientes de desktop Xfce para computadores de 64 e 32 bits.

Por outro lado, o LMDE 3 estará disponível em uma única edição com o ambiente de área de trabalho Cinnamon 3.8. Assim, estará suportando tanto em instalações de 32 bits quanto de 64 bits. Em relação a alguns recursos essenciais, a equipe está trabalhando para manter a criptografia de diretórios pessoais para o Linux Mint 19 “Tara”. Já o LMDE 3 não obterá a criptografia de disco completo ou de diretório inicial.

Sem coleta de dados pessoais ou do sistema

Linux Mint

O Linux Mint 19 “Tara” não irá coletar ou enviar dados pessoais ou do sistema. Clement Lefebvre confirmou que o sistema operacional não incluiria o “ubuntu-report” que a Canonical implementou no Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver). Este recurso permite que os usuários enviem seus dados como opção.

O LMDE 3 será baseado na série de sistemas operacionais “Stretch” do Debian GNU/Linux 9. Portanto, não incluirá tal mecanismo de coleta de dados. Assim, por enquanto, os desenvolvedores do Linux Mint estão trabalhando duro em melhorias de última hora para ferramentas internas. É o caso do Update Manager, o Software Manager e o Welcome Screen.

Blog Linux Mint

Escrito por Claylson

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Kali Linux

Kali Linux lança nova versão: 2018.2

CodingRadio página

CodingRadio, um website de música para concentrar enquanto programamos